Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

PLAYMOBLOG

Estas pequenas figuras foram os heróis da minha infância. Os clicks valeram-me horas de brincadeiras partilhadas com os amigos lá da rua. Estiveram vários anos encaixotados. Hoje são um legado para a minha filha.

PLAYMOBLOG

Estas pequenas figuras foram os heróis da minha infância. Os clicks valeram-me horas de brincadeiras partilhadas com os amigos lá da rua. Estiveram vários anos encaixotados. Hoje são um legado para a minha filha.

Em guerra?!?

IMG_5464 (3)

Os homens da tribo estão num alvoroço. Dizem que o Homem Branco se aproxima cada vez mais dos seus territórios. Os mustangs e os búfalos mudaram os seus percursos habituais desviando-se dos seus locais habituais. São chacinados e mal tratados. Sabem já por instinto que devem fugir.

O território da tribo ainda não está ameaçado. A desolação da montanha nas estações mais extremas (Verão e Inverno) demove muitos de chegar ali. Mas uma coisa é certa, é sabido que tentarão chegar e entretanto há que ajudar as tribos cujos territórios sofrem já ameaças bem mais sérias.

Todas as armas da tribo foram recolhidas. Estão a ser afiadas, reconstruídas, reparadas. Estão a ser contabilizadas e já há gente encarregue de produzir novas.

Os índios mais jovens estão a ser iniciados na arte da guerra. A esconderem-se no mato, a criar emboscadas, a sobreviver e claro, a manusear todas as armas.

Há alguma tensão, mas por enquanto, é clara a certeza de que o Homem Branco não vencerá.

Uma ajuda preciosa | A precious help

 IMG_5456

Não há nada melhor que percorrer a floresta aos primeiros raios de sol.

Usufruir daqueles longos minutos em que ainda se podem ver os animais da noite a recolherem aos seus abrigos e os outros, aqueles que primeiro acordam, a iniciar um novo dia, em busca de alimento.

Perceber as flores a erguerem-se, gozando do calor da luz do dia que principia, deixando para trás o frio da noite, que encarquilha caules e folhas.

Sentir o gelo da madrugada a derreter e ver a terra acolher essas pérolas de orvalho.

Os dias no campo começam assim, bem cedo. Hoje é dia de apanhar batatas. O João e a Maria vão passar o dia a caminho do campo, carregar as suas carroças e levar as batatas acabadinhas de apanhar à cooperativa.

O trabalho não é difícil e passar o dia a atravessar a floresta para cá e para lá dá sempre origem a várias aventuras e peripécias.

Bom trabalho, meninos!

There is nothing better to do, than take a walk in the forest at the first ray of light. You can see some criatures of the night taking shelter, to rest during the day, and of course, see those ones who wake up with the daylight, ready to catch their first meal.

The flowers spread out into the sun, embracing the light and the heat, leaving behind the cold dawn, witch shrivell their stalks and leaves. You can also see mornind dew melt away, as the earth drinks it's drops.

The farm days start  very early, and today is potato harvesting day. João and Maria will take their part in the harvest, as they will carry in their wagon, fresh harvested potatos from the field to the farm cooperative.

It isn't a hard work and spending the day crossing the forest and the fields is a great way to pass the day.

Good job kids!

Resgate #2: 3456 Ambulância (parte 1)

20171119_140148 

20171119_140247

Adquiri há pouco tempo o SET 3456. Porém tem algumas falhas, nomeadamente:

- Luz azul do topo da ambulância

- Peça do perfusor que encaixa no gancho

- Tubo do perfusor e máscara da face

- Tubo preto do extintor

- Autocolantes

O que provavelmente me vai dar mais trabalho, é arranjar os autocolantes. Obviamente preferia ter uns originais. Em último caso terei que os fazer. Acho que vou passar os próximos tempos a escrutinar o ebay!

O peixe mais saboroso

IMG_5462

Nas águas frias e cristalinas do Rio Azul encontra-se o peixe mais suculento da região. Apesar do nome, Urso-Distraído sabe melhor do que ninguém o troço do rio para os pescar. Sai cedo pela manhã. Mal o sol se começou a espreguiçar e já está ele a saltar para dentro da sua canoa. Tem ainda um bom bocado para remar, até que por fim chega a uma parte do rio, mais baixa, cheia de pequenas pedras que formam pequenas grutas e reentrâncias. É aí que o peixe se esconde e abriga,  descansa e se reproduz. E onde a pesca é ainda abundante.

Noutras zonas do rio, a chegada dos homens sedentos de ouro, turvou a água e transformou a corrente límpida numa torrente de lama e detritos, assustando os peixes, matando-os e obrigando-os a fugir.

Por isso, Urso-Distraído não se ilude com a abundância desta parte do rio e pesca apenas o suficiente para si e para a sua tribo, ciente que o peixe em breve escasseará.

Ao chegar, o peixe é temperado com as ervas frescas acabadas de apanhar por Andorinha-Sorridente, que o sabe cozinhar como ninguém. O cheiro é intenso e delicioso. Não tarda que se espalhe e que o resto da tribo se aproxime para tomar a sua refeição.

O gangue da aldeia

IMG_5421

Próximas as idades, próximas as vontades e gostos por brincadeiras. Pés descalços e desalvorados, por onde passam deixam sorrisos atrás de si. Pedincham um bolo à Ti Maria, subtraem uma laranja no quintal do Tio Joaquim, tomam banhos de mangueira no terraço da Avó Bela e saciam a sede com a limonada do Zé do café.

Por onde passa, o pequeno grupo deixa atrás de si um rasto de gritos felizes e o cheiro dos pinheiros que trazem na roupa perdura, mesmo depois de já terem ido brincar para outro lado.

Ao Sábado, depois da catequese, roubam hóstias não consagradas e vão comê-las para a Fonte Velha.

Aos Domingos, o Padre Manuel deixa-os tocar o sino da chamada para a missa e em seguida assistem à missa no banco mais próximo do altar.

Brigam, mas logo arranjam modos de ser amigos outra vez. Dizem amiúde que já não se suportam, mas o que eles não suportam mesmo, é ficarem uns sem os outros.

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D