Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

PLAYMOBLOG

Estas pequenas figuras foram os heróis da minha infância. Os clicks valeram-me horas de brincadeiras partilhadas com os amigos lá da rua. Estiveram vários anos encaixotados. Hoje são um legado para a minha filha.

PLAYMOBLOG

Estas pequenas figuras foram os heróis da minha infância. Os clicks valeram-me horas de brincadeiras partilhadas com os amigos lá da rua. Estiveram vários anos encaixotados. Hoje são um legado para a minha filha.

Sabedoria do deserto | Wisdom of the desert

IMG_5760

Há nove dias que a paisagem era absolutamente imutável. Por vezes avistava-se parte de um ramo espinhoso, outras vezes algum escorpião, mas nada mais do que isso. Se fixássemos o horizonte tempo suficiente, percebíamos pela mudança das dunas, que estávamos de facto a avançar. Se não fosse isso, era capaz de dizer que permanecíamos ainda no mesmo local.

Tirei esta fotografia no nono dia, em que caminhava ao lado da caravana, quer para poupar os animais, quer por já não suportar aquela passada lenta, mas ritmada, que sem darmos por isso, nos conduzia ao nosso destino.

Não me perguntem como, mas os meus companheiros de viagem não mostraram nunca um sinal de impaciência ou de contrariedade face à adversidade desta terra: se enfrentavam uma tempestade de areia, resiganavam-se a cobrir a face; se a noite era fria demais, revezavam-se a manter acessa uma pequena fogueira para nos manter um pouco mais quentes; raramente incitavam os animais a andar mais rápido, ou sequer se queixavam do calor.

Gente extraordinária esta, que suporta tão estóicamente a inclemência do deserto!

 

The landscape was unchanging from nine days now. Or so it seemed. Sometimes you could see a small prickly branch, or even a scorpion, but that was all. Nothing more than that. If you stared long enough for the horizon, you could see that we were moving, because the dunes in front of you changed form. Otherwise, i would say that i was still in the same place.

I took this photograph by the end of the day nine, when i was walking along side the caravan, not only to spare the animals, but also cause i could not stand anymore that slow, but rhythmic pace, that was taking us to our destiny.

Don't ask me how, but my fellow compagnions not once showed signs of impatience or distress before the adversaties of our journey: if there was a sand storm, they simply covered their faces; if the night was too cold, they arranged turns to keep a small fire burning to keep us a bit warmer; they rarely urged the animals to walk faster, or even complained about the heat.

These were extraordinary people that endured this land with an amazing wisdom!

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D